sexta-feira, 4 de março de 2011

São teus olhos




Os pássaros confessaram suas falhas
Naquele verão de céu desabitado
Tu mesmo estavas triste e recolhido
À olhar o Mar
E achá-lo pequeno
Mas não era o Mar pequeno
Eram teus olhos!
Eram teus olhos!
São teus olhos que limitam o tamanho do Oceano
São teus olhos!







21 comentários:

maura disse...

Adoro suas poesias, sempre que da eu passo aqui p conferir e admira-lás...Parabéns querido...
bjusss

Elias Balthazar disse...

Maura,

Que bom que seus olhos vêem meus escritos desta forma.
São as poesias ou são teus olhos?

Bjsss Seja sempre bem vinda aqui.

Ella disse...

Lindo...

Bjim

Andressa Nunes disse...

Genial.
Estou muito feliz de ter conhecido este blog...
Parabéns!

Elias Balthazar disse...

Olá Andressa,

Fiquei feliz deste blog ter te conhecido.

:)

Milena Buarque disse...

E meus olhos que vivem limitando o tamanho das coisas...
Só tenho a agradecer aos da alma. Pois, juro-lhe, é exatamente com eles que vejo o mundo.
Sinto...

Elias Balthazar disse...

"Os olhos da alma"

Temos dois olhos fisicos e o "terceiro olho"

Que bom que enxerga, sente, por via destes

:)

camy disse...

Os olhos...
são lindos e hiponotizam...
Atraem e nos cegam...
Dominam e nos escravizam com seus encantos...

Louco o Homem que ainda não se deixou dominar com os olhos de uma mulher...

Infeliz da Mulher que não se apaixonou ao ver o olhar de desejos do seu amante...

=p

Pra mim os olhos são meios que demonstram os desejos alheios e os refletem...

Elias Balthazar disse...

É Camy. Os olhos são as telas, hyper wildscreen, do nosso sistema...

Desirée Galeotti disse...

Que belo!

Elias Balthazar disse...

São teus olhos...
Desirée

:)

Mayra disse...

Ao meu ver, você é ousado! Vc ñ usa uma restrição métrica...acredito que você quer dar um ritmo mais independente, mais seu! (: Parabéns!

Elias Balthazar disse...

Olá Mayra, e obrigado, acredito que a poesia deve estar isenta destas restrições fazendo uso de toda a licensa a que tem direito. Não que não escreva poema também, mas é mais raro e aqui mesmo ainda não postei um.

Richelly Iasmim disse...

Olá, obrigada por ter visitado meu blog,eu já tinha visitado seu blog deste aquele dia da palestra mais agora que eu resolvir comentar, adorei seu blog de poesias e poemas.
Tenha um ótimo final de semana!!!:)

Elias Balthazar disse...

Olá Richelly,

Que bom que gostou. Seja sempre bem vinda aqui.

Richelly Iasmim disse...

Vc tb sempre será bem vindo ao meu blog! =]

Idiótica. disse...

Todo o texto, incluíndo o título são apaixonantes. Realmente, são os nossos olhos que refletem o tamanho do mundo e/ou das coisas. Belo texto.

Elias Balthazar disse...

:)

Cáh disse...

Elias...

(já escrevi e apaguei este comentário mil vezes)

enfim, foi muito bom ler isto hj.


Um beijo

Elias Balthazar disse...

(...)

:)

Ivonete Gomes disse...

Linda a poesia....e não é mesmo que nossos olhos são por vezes pequenos demais?!